Reduza custos com sinalização náutica

Com o sistema XBUOY é possível monitorar todos os seus equipamentos de sinalização de maneira remota, sem a necessidade de vistorias presenciais caras e demoradas.

Por meio da instalação de uma central de telemetria, uma boia convencional é automaticamente transformada em uma XBOUY e todas os parâmetros relevantes são transmitidos para o seu computador ou celular. Informações de posição, funcionamento da lâmpada e situação do sistema elétrico ficam disponíveis de qualquer lugar, 24 horas por dia, 365 dias por ano.

Confira mais informações no site

Assista nosso vídeo explicativo

Sistema de monitoramento e inteligência de tráfego portuário

O LPS - Local Port System é uma ferramenta que permite o registro e a visualização direta e intuitiva dos mais variados parâmetros de desempenho para o controle, planejamento e redução de custos da operação portuária. O sistema LPS utiliza uma interface moderna, baseada em tecnologias de Business Intelligence, para apresentar aos operadores portuários um retrato de sua operação ao longo do tempo, dando suporte à tomada de decisão e otimização dos diversos aspectos que compõem cada realidade portuária.

Além da visualização interativa em tempo real o sistema possibilita também a geração automática de relatórios gerenciais periódicos customizados, os quais permitem acompanhar a evolução no tempo dos parâmetros monitorados, facilitando o controle e planejamento da operação.

Confira mais informações no site
http://oceanicabr.com/localportsystem/

Veja nosso vídeo


CONHECIMENTOS ADQUIRIDOS EM EVENTOS INTERNACIONAIS ESTÃO NO DNA DA OCEÂNICA

Constantemente a Oceânica participa de relevantes eventos internacionais, como o OTC – Offshore Technology Conference, melhor encontro mundial da indústria offshore. Além de desenvolver e aplicar projetos de vários níveis, também compartilha conhecimentos, promovendo cursos de aperfeiçoamento em matérias relacionadas a engenharia naval e offshore, tanto para sua equipe interna, como para empresas e universidades.

DNA HOLDING BRASIL

Nestes 15 anos, mais de 300 projetos foram entregues pela Oceânica, acompanhando as necessidades do mercado que constantemente surpreende com pedidos diferentes, seja por questões geográficas, econômicas ou tecnológicas. O diferencial da empresa é embarcar tecnologia na engenharia, desenvolvendo os projetos a partir dos resultados esperados pelo cliente, “pensando fora da caixa”, por uma equipe de alto nível de capacitação.

A Oceânica é uma empresa independente e 100% brasileira com presença internacional, integrante da HBR Holding Brasil, que está presente há mais de 35 anos no mercado de equipamentos industriais. A capacidade de entender o mercado e propor equipamentos engenheirados sob medida, possibilita o fornecimento de soluções integradas e inteligentes aos clientes de cada uma das empresas da holding.

1st Brazil FSRU SUMMIT – 1o Brasil FSRU SUMMIT

Em um cenário mundial de oferta de gás natural e com uma matriz energética brasileira em transição, a utilização de GNL (gás natural liquefeito) tem sido alvo de inúmeros estudos e projetos no país, alguns deles já em operação. Nesse contexto, a utilização de unidades de regaseificação flutuantes (FSRUs) surge como uma opção competitiva em custo, prazo de implantação e licenciamento ambiental.

Porém, aspectos técnicos, regulatórios e financeiros podem impactar diretamente na viabilidade de cada projeto em função do local de implantação e da estratégia do empreendimento.

Este workshop organizado pela SOBENA terá o objetivo de:

• Apresentar as características do mercado brasileiro de FSRUs;

• Compreender e identificar potenciais obstáculos regulatórios;

• Discutir aspectos técnicos fundamentas para viabilizar a implantação das unidades flutuantes de regaseificação;

• Apresentar estratégias sólidas de financiamento na implantação desses empreendimentos.

Fundamentada nestes princípios, a SOBENA – Sociedade Brasileira de Engenharia Naval promove o 1o FSRU SUMMIT a ser realizado 12 de setembro de 2019.

IMPORTANTES SIMULADORES NÁUTICOS DO PAÍS SÃO OCEÂNICA

A experiência com a Petrobrás América, no Golfo do México, tinha clareado para a equipe de engenharia da Oceânica que seria essencial ter um simulador náutico para apoiar futuros estudos e também viabilizar campanhas de treinamentos e manobras do País.

Empresas de apoio marítimo também sentiam essa necessidade, montaram centros  de treinamento e se interessaram por simuladores. A Oceânica trabalhou para atender as necessidades dessas empresas em treinamentos e simulações de manobras em diversos tipos de embarcação.

Nautilus – Um novo capítulo na história
Na sequência, a empresa inaugurou seu Núcleo de Simulação Portuária e Oceânica – Nautilus, um divisor de águas na história da Oceânica, possibilitando campanhas de manobras e treinamento com simulações  em ambiente portuário sem restrições e em tempo real. “Tivemos apoio do Instituto de Pesquisa Marítima da Holanda, o Marin, pioneiro mundial nesse tipo de tecnologia e parceiro importante para a empresa. O grande diferencial é o histórico de validações hidrodinâmicas das embarcações feitas nos 7 tanques de provas do instituto. Com isso, os navios se comportam como na realidade”, comentou Daniel Cueva, sócio-diretor da Oceânica.

O simulador full mission tem certificação DNV e é disponibilizado ao mercado empresarial brasileiro, às autoridades marítimas e à academia, um centro de simulação comparável ao que há de mais atualizado no mundo. Ele viabiliza operações náuticas, ajudando a minimizar riscos e aumentando a eficiência operacional, por isso, empresas de navegação o utilizam para treinamento de seus comandantes, reduzindo acidentes.

“O Nautilus propicia ministrarmos treinamentos, estudos de viabilidade e projetos de novos terminais em nossa sede, “, complementou Daniel Cueva.  Os contratos costumam ter em torno de 2 ou 3 anos e confirmam a relação de confiança entre os clientes e a Oceânica.

“Entendemos muito bem as necessidades das empresas de navegação e apoio offshore e constantemente estudamos maneiras de entregar mais recursos a estes clientes. Está em desenvolvimento um protocolo de acompanhamento das manobras reais através de monitoramento, frente ao exercício simulado, a fim de que os comandantes tenham excelência ajustando a prática”, contou Afonso Cabrera, gerente da Oceânica, que acompanha de perto todas as possibilidades de melhoria nos projetos.

15 anos de inovação constante e expansão de negócios no Brasil e no exterior

Integração das ferramentas de engenharia às operações de campo, a fim de otimizar resultados por meio de redução de custos e de risco para os clientes. Traçar estratégias a partir de cálculos realizados com apoio de inteligência artificial. Machine learning para estabelecimento de padrões e projeções simuladas para assegurar melhores soluções. Cruzar dados e entregar produtos engenheirados. Internet das Coisas conectando negócios para facilitar rotinas, projetos e planos validados com monitoramento em campo.

A Oceânica Engenharia, Consultoria e Projetos Ltda. completa 15 anos pensando assim, no futuro, e reunindo um portifólio robusto permeado por tecnologia e inovação, com a aprovação de clientes exigentes, tanto no Brasil como no exterior.

OTC (Offshore Technology Conference) comemora 50 anos com foco no futuro

A Oceânica esteve presente mais uma vez no evento, e juntamente com outras empresas fez do pavilhão brasileiro um mais movimentados. Foram apresentados os últimos projetos e também os divesos serviços de engenharia e gerenciamento de projetos navais e offshore, como hidrodinânica, arquitetura naval, sistemas de posicionamento, engenharia estrutural, entre outros.

Profissionais de energia offshore de todo o mundo participaram da OTC 2019. Palestrantes desafiaram as ideias sobre o cenário em mutação da exploração e produção, os expositores mostraram o impacto da tecnologia e da digitalização na ciência da gestão da oferta e demanda de energia.

“Muitas novidades na edição deste ano da OTC, oportunidades de networking e grandes negócios ocorreram. O pavilhão brasileiro mais uma vez superou nossas expectativas.”, comenta Daniel Cueva, diretor da Oceânica.

A OTC 2019 recebeu 15.281 participantes, um número que vem aumentando nos últimos três anos. Comemorando 50 anos desde a sua criação em 1969.

Oceânica estará na OTC 2019

Acontecerá em Houston, Texas, USA, entre os dias 6 a 9 de maio a 51° edição da feira OTC. Experts da indústria offshore do mundo todo estarão presentes no evento.

A Oceânica estará mais uma vez presente no evento apresentando seus últimos projetos diversos serviços de engenharia e gerenciamento na área offshore.

A OTC é um dos mais famosos eventos do mercado de offshore, abrangendo as áreas de exploração, perfuração e produção.

Estaremos no stand 30, venham nos visitar.

Oceânica desenvolve ferramentas de apoio a operação hidroviária

A Oceânica participou recentemente diversos eventos sobre segurança e melhorias operacionais da navegação na Região Norte, Rio de Janeiro e São Paulo com foco em navegação hidroviária, apoio offshore e portos. O transporte hidroviário tem se mostrado cada vez mais viável dentro da matriz brasileira, com custo de menos de ¼ do rodo/ferroviário por ton/km.

Pensando nisso, a Oceânica desenvolve ferramentas de apoio a operação hidroviária com foco em segurança e redução de custos, através de sistemas de monitoramento e gestão de flotilhas, terminais e sinalização náutica.

As ferramentas da Oceânica, permitem aumentar a segurança operacional, o controle da flotilha e a redução dos custos com combustível, que representa cerca de metade do custo operacional de empresas de navegação. Nos consulte para maiores informações e fique de olho na nossa agenda de eventos.

Intermodal 2019 se aproxima !

Oceânica e Marin participarão mais uma vez da Feira Internacional 2019 de Logística, Transporte de Cargas e Comércio Exterior, a maior da América Latina.

O evento, que acontecerá entre os dias 19 a 21 de março, na São Paulo Expo, contará com mais de 400 marcas nacionais e internacionais de mais de 22 países de todos os modais. Serão mais de 29 mil m² de exposição e fornecedores focados em soluções de logística, transporte de cargas e comércio exterior.

Oceânica e Marin, apresentarão soluções de manobras – Centro Nautilus – uma ferramenta bastante importante e utilizada por portos, empresas de logística e pela comunidade marítima, para auxiliar as análises de navegação. Além disso, apresentarão novas soluções de monitoramento, reduzindo custos com sinalização náutica – XBUOY – e sistema de monitoramento e inteligência de tráfego portuário – LPS.

Venha nos visitar no estande 17-30.

Para mais informações e cadastro clique aqui.